Custos

Conhecendo as características do Nepal

Gabrielly Damasceno Araujo
Escrito por Gabrielly Damasceno Araujo em 26 de abril de 2021

Nepal é um país localizado no continente asiático conhecido por abrigar o famoso Monte Everest (a maior montanha do planeta) e por toda a sua cultura peculiar e histórica. Para quem gosta da Ásia e da cultura indiana, vale a pena explorar essas terras hindus e budistas.

Fonte: Google Imagens

A língua oficial do país é o nepali, mas a grande maioria da população também fala o inglês. Para conhecer o país você vai precisar do passaporte, mas o visto você consegue tirar por lá mesmo. O visto pode ser de 15, 30 ou 90 dias, cada um com um valor diferente, e é necessário apresentar o comprovante internacional de vacinação contra a febre amarela.

Mais particularidades sobre o Nepal

Tendo Katmandu como capital, o país se torna mais movimentado e turístico, já que muitos visitantes adoram os templos e santuários religiosos que compõem a história da cidade. Entretanto, apesar de ser um país grande e bastante movimentado, assim como a Índia, o Nepal também sofre com a grande poluição. Escolas tiveram que ser fechadas no mês passado devido a nuvem de poluição que tomou conta de toda a Katmandu. Por isso, é sempre bom andar com máscara (ainda mais por conta da pandemia) para não inalar os gases tóxicos.

Os melhores meses para visitar Nepal é entre abril e junho (primavera) ou de outubro à dezembro (outono). A época de chuvas vai de junho à setembro, então fica inviável conhecer as maravilhas do país. Além disso, o inverno vai de janeiro à março. Nesta época, tem neve para todos os lados, o que também dificulta andar pelos lugares.

Localizado perto da China, Índia e Tibete, o Nepal recebe bastante influência desses países, o que torna seus hábitos, gastronomias, artes, dialetos, entre outros, semelhantes aos dessas culturas.

Transporte

A locomoção é um pouco complicada já que o país é repleto de montanhas por conta da Cordilheira do Himalaia. Então, andar de carro ou ônibus é bem difícil já que as estradas são de terra com buracos e morros e há trechos que só tem como ir andando. Uma viagem que levaria poucas horas ou minutos, acaba levando o dobro do tempo por conta das condições precárias das estradas. Por isso, a maioria dos turistas preferem fazer as viagens por avião.

Vale ressaltar que se locomover por avião também não é uma tarefa fácil. Por conta das grandes altitudes muitos voos são atrasados ou cancelados por motivo de segurança. A dica é disponibilizar uns dias a mais no país por conta dos imprevistos rotineiros.

Lugares para conhecer no Nepal

Os principais pontos turísticos são as montanhas, principalmente o Everest que atrai bastante turistas todos os anos. Portanto, vamos deixar um vídeo aqui embaixo do canal Livre Partida falando sobre a trilha para chegar ao Monte Everest:

Agora, se você não é tão aventureiro, há cidades, além da capital, que podem completar o seu roteiro, como:

  • Bhakatapur – Cidade com ruas cheias de monumentos históricos que vale a pena conhecer;
  • Pokhara – Fica próxima ao lago Fewa e também é rodeado de casas e templos antigos;
  • Bandipur – Localizada no topo de uma colina, com um ambiente mais rural e histórico, atraindo cada vez mais turistas.

Essas cidades, assim como várias outras, também vivenciam o caos e a pobreza do país. Nepal não chega a ser tão desorganizado quanto a Índia, mas possui algumas semelhanças.

Custos

Até o presente momento não existe voo direto do Brasil para Nepal, entãoo preço da passagem vai depender do país no qual você esteja. Não é recomendado beber as águas das torneiras e o preço das garrafinhas de água de 500ml é de, em média, 1 dólar. Agora, se você quer trocar a água por cerveja (que são famosas na região), o preço é de mais ou menos 4 dólares. Uma refeição comum é mais barata do que a garrafa de cerveja, cerca de 2,50 dólares.

Em média, uma pessoa que passa o dia todo conhecendo pontos turísticos, comendo e bebendo na rua, pagando hospedagem, transporte, vai gastar em média de 25 dólares por dia.

Obs: os preços estão em dólar por ser uma moeda universal que também é aceita no Nepal, mas você pode fazer a conversão.

Caso tenha ficado algum dúvida, deixe nos comentários que teremos o prazer em responder. Até a próxima pauta pessoal 🙂

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Quem Somos

“Somos um site pra você chamar de seu.

O Meu Intercambio é o seu lugar de saber mais sobre a vida no exterior e também compartilhar vivências da sua viagem.

Torne o seu sonho realidade e viva sem fronteiras.”