Dicas

Confira como morar na Hungria, os tipos de vistos e o custo de vida no país

Caroline Freitas
Escrito por Caroline Freitas em 2 de maio de 2021

Já pensou em morar na Hungria? O país é conhecido mundialmente por ser um dos melhores e mais econômicos da Europa. Então, para saber mais sobre o país, os tipos de vistos corretos para residir lá e como é o custo de vida, confira a matéria completa do MI.

Fonte: Travel Massive

A Hungria fica localizada na região centro-sul do continente europeu e faz fronteira com a Eslováquia, Ucrânia, Romênia, Sérvia e Croácia, Áustria e Eslovênia. O país tem cerca de 9.700 milhões de habitantes e a capital é a cidade de Budapeste.

O idioma oficial do país é o Húngaro, pois grande parte da população é de etnia húngara e é formada por descendentes dos antigos magiares. Além disso, no país existem pequenos grupos de ciganos, alemães, eslavos, judeus e outros povos.

A cultura é famosa por ser cheia de tradições que vai desde a gastronomia até a música, vestuário e dança. Por consequência, o país é um dos mais famosos da Europa, pois os museus e a arquitetura histórica são belíssimos.

Na economia, os serviços de bancos, educação e turismo são algumas das principais atividades. A indústria é fundamental com a fabricação de veículos, maquinários, alimentos, entre outros.

O principal recurso mineral da Hungria é a bauxita, que é uma rocha de cor avermelhada que serve principalmente para a fabricação do alumínio no país. A agricultura, no entanto, é uma pequena parte da economia do país.

O ensino é de qualidade e garantido pelo governo, assim toda criança tem o direito de estudar e possui uma vaga garantida na escola mais próxima.

Tipos de visto para morar na Hungria

Os cidadãos brasileiros podem permanecer no país por até 90 dias sem visto se não realizarem atividades remuneradas no país.

Para quem deseja entrar na Hungria com a finalidade de trabalhar, é preciso solicitar o visto para obter uma autorização de residência na Hungria por até 12 meses.

Assim, é necessário que exista um contrato de trabalho, pois é parte fundamental para solicitar o visto, então o empregador deve fornecer a documentação para o imigrante e a permissão de emprego do país.

As pessoas que estão indo para o país para estudar também precisam de um visto específico. Primeiro, é preciso fazer um curso da língua húngara ou realizar um exame para comprovar que você domine o idioma.

Além disso, é preciso que o estudante apresente um comprovante ou carta de aceitação de alguma universidade, curso ou escola do país. Então, após apresentar toda a documentação exigida, a pessoa receberá o visto com o direito de residência durante todo o período de duração do curso escolhido.

Para saber mais sobre o processo de visto no país confira este link.

Custo de vida na Hungria

A moeda oficial da Hungria é o Florim húngaro. O salário mínimo no país é cerca de 259600,00 Florim Húngaro, que ao ser convertido para o real é 4685,00 Real brasileiro.

Confira abaixo uma lista com preços de alguns dos serviços essenciais para residir na Hungria:

  • Casa no centro da cidade: 689.100,00 Florim Húngaro/ 12.427,00 Real Brasileiro ;
  • Passe de transporte público mensal: 9500,00 Florim Húngaro/ 171,32 Real Brasileiro ;
  • Eletricidade, gás, água, lixo: 49800,00 Florim Húngaro/ 898,08 Real Brasileiro;
  • 1kg de arroz: 230,00 Florim Húngaro/ 4,15 Real Brasileiro;
  • 1 litro de leite: 240,00 Florim Húngaro/ 4,33 Real Brasileiro;
  • 1 garrafa de água (330 ml): 270,00 Florim Húngaro/ 4,87 Real Brasileiro;
  • Fast Food: 1600,00 Florim Húngaro/ 28,85 Real Brasileiro;
  • Almoço em restaurante (para dois): 10000,00 Florim Húngaro/ 180,34 Real brasileiro.

Portanto, para conferir mais informações sobre o custo de vida na Hungria confira este link.

Gostou de saber mais sobre como morar na Hungria, um dos melhores países da Europa? Então acesse este link e não perca mais dicas como residir no exterior.


Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Quem Somos

“Somos um site pra você chamar de seu.

O Meu Intercambio é o seu lugar de saber mais sobre a vida no exterior e também compartilhar vivências da sua viagem.

Torne o seu sonho realidade e viva sem fronteiras.”