Dicas

Como morar no Japão

Gabrielly Damasceno Araujo
Escrito por Gabrielly Damasceno Araujo em 27 de julho de 2020

Japão, o país formado por inúmeras ilhas e por uma cultura única. Não é atoa que a cada ano ele atrai mais visitantes e moradores. Se você faz parte do grupinho de pessoas que sonha em morar nesse lugar, então leia a matéria até o final para receber todas as nossas dicas.

Afinal, como faço para morar no Japão?

Para residir no país, você vai precisar de um visto e o primeiro que podemos citar é o Visto de Trabalho. Com ele, você pode trabalhar e residir no país por mais de 1 ano e ainda tem o direito de levar um dependente (pode ser cônjuge e filhos). Caso você seja professor de inglês ou trabalhe com tecnologia, essas são as vagas mais procuradas pelos japoneses, então você tem grandes chances de ser chamado(a). Algumas vagas de trabalho (você consegue em sites de empregos como linkedin) exige o intermediário em japonês, por isso faça um curso da língua para aumentar suas chances.

Você também pode residir no país com o visto de estudante, mas é importante dizer que no Japão existe vários tipos de vistos para os estudantes, e um deles é o Visto de Estudante de Línguas. Você consegue estudar japonês através dele, e só irá permanecer no país de acordo com a duração do seu curso. Algumas instituições possibilita que o aluno trabalhe meio período, o que ajuda na moradia e até mesmo a prolongar o intercâmbio. É recomendável que você venha por uma agência, pois toda a sua documentação tem que ser traduzida, e você ainda teria auxílio para achar a melhor escola de ensino de sua preferência.

Para saber o passo a passo de estudar no Japão, temos uma matéria com todas as informações. Acesse: Saiba como estudar no Japão.

Além dos vistos citados, existe vários outros, como o mais novo Highly Skilled Professional. A grosso modo, esse visto é para você ir independente para o país, é como se você fosse autossuficiente e não precisasse de visto de casamento, trabalho, estudos, e etc. Tem que apresentar todos os documentos necessários no Consulado para obter esse visto.

Custos

Tóquio, a capitão do Japão, é a região mais cara do país. As cidades que a capital abriga são pontos turísticos e de grandes centros comerciais, por esse motivo os preços são mais exorbitantes do que no restante das ilhas. Os custos que vamos mencionar serão da Região de Tóquio, então já sabe que os valores podem ser menores comparados com as demais cidades. Veja a lista a seguir de alguns preços:

  • Aluguel: cerca de 190.000 a 240.000 ienes (moeda oficial do Japão). Os preços variam de acordo com o tamanho e localização.
  • Água, luz e gás: desses 3, o mais caro é a luz, que custa em média de 3.000 a 8.000 ienes por mês. Já o gás e água pode custar menos de 1.000 ienes ou até 2.000 ienes.
  • Internet: pode custar 4.800 ienes por mês
  • Alimentação: em média 100.000 ienes por mês para um casal

No mercado, as comidas varia de 198 ienes para cima. Lembrando que lá, as pessoas ganham muito bem, e o dinheiro é totalmente diferente aqui do Brasil

Curiosidades sobre o Japão

  • É muito comum você chegar nos restaurantes e o garçom servi água. Assim como nos shoppings, que você pode beber água sem pagar nada.
  • Os japoneses AMAM batata doce, tanto que existe variações de batata doce por todos os lados
  • A validade dos produtos é muito curta. Você pode comprar um produto hoje e amanhã já está vencido, por isso tem que prestar bastante atenção
  • Os horários comerciais é diferente do Brasil. Geralmente as lojas só abrem depois das 10 horas e fecha antes das 18 horas.
  • É muito comum você entrar em algum estabelecimento comercial e o/a recepcionista dizer “seja bem vindo”. Eles são muito simpáticos com os clientes.
  • Os japoneses não tem o costume de assinar um documento, pra isso eles usam um carimbo pessoal que se chama INKAN
  • No Japão, não se tem o hábito de dar gorjetas. Pra eles, receber gorjeta é algo muito constrangedor.
  • Em hipótese nenhuma você pode atravessar a faixa de pedestre se não tiver verde pra você. Mesmo se não tiver nenhum carro passando, você tem que esperar.

Bom, espero que você tenha aprendido um pouco sobre o Japão e como faz para morar lá. É claro que para se mudar de vez para esse país, você terá que pesquisar bastante e verificar qual é o melhor visto para isso. Se você já viajou pra lá ou conhece alguém que já, comente aqui em baixo e teremos o prazer em responder. Até a próxima pauta pessoal!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Quem Somos

“Somos um site pra você chamar de seu.

O Meu Intercambio é o seu lugar de saber mais sobre a vida no exterior e também compartilhar vivências da sua viagem.

Torne o seu sonho realidade e viva sem fronteiras.”