Depoimentos

Las Vegas: Depoimento exclusivo de Deborath Pinheiro

Gabrielly Damasceno Araujo
Escrito por Gabrielly Damasceno Araujo em 2 de outubro de 2020

Quem nunca sonhou em passar uma noite na cidade mais badalada dos Estados Unidos? Nossa entrevistada Deborath Pinheiro, 32, mora a mais de 5 anos em Las Vegas e nos contou tudo sobre como é residir nessa cidade super temática. Para conhecer todos os detalhes, acompanhe o depoimento até o final!

Para quem não sabe, Las Vegas se localiza no Estado de Nevada, nos EUA. É bastante conhecida por realizar casamentos de última hora, cassinos 24 horas, noites bem agitadas, hotéis sofisticados, lugares temáticos, entre muitas outras formas de entretenimento. A moeda oficial é o dólar, que no momento está custando mais de 5 reais brasileiros, por isso não é tão barato viajar para esse lugar, mas vale apena caso você goste de bastante diversão.

Como foi pra você o processo de morar em Las Vegas?

“Eu vim para os EUA tem 8 anos e tinha documentação de trabalho. Porém, em 2015, eu me casei e adotei o green card (visto permanente de imigração concedido pelas autoridades daquele país). Desde então, estou residindo em Las Vegas com a minha filha.”

Como é seu dia a dia nesse lugar tão agitado?

“Eu tenho dois trabalhos por aqui, e no momento estou separada do pai da minha filha, então cuido dela sozinha a mais de 3 anos. Acordo todos os dias umas 4 horas da manhã, trabalho online primeiro e depois saio de casa umas 5:30 am. Esse meu segundo trabalho é em uma fábrica, das 6:00hs até 14:30hs. Chego em casa por volta das 15:30h e vou novamente para o meu trabalho online, e fico até umas 19:00hs.”

“Agora eu tenho um carro, tem mais ou menos 1 ano e meio, o que me ajudou muito, já que pegar ônibus é bem desafiador por causa do clima.”

Como é a questão de dinheiro? Custo com moradia, comida, transporte?

“Antigamente eu andava de ônibus e era muito fácil, eu tinha um passe de mais ou menos 60 dólares que durava o mês inteiro ou podia comprar por 5 dólares o dia. Em questão de moradia, eu pago em média, incluindo luz e água, uns 1400 dólares, e comida é em torno de 200 dólares por mês. Quando eu andava de ônibus eu tinha menos gastos, pois agora estou pagando as prestações do carro e o seguro, mas o conforto e mobilidade é bem melhor.”

Você considera fácil morar em Las Vegas? Em relação ao clima, comida, língua…

“Eu me identifiquei muito com o país, porque as coisas são muito mais rápidas de acontecer, em questão de documentação, dinheiro, etc. A qualidade de vida é bem melhor, pois tudo é mais limpo e funciona com rapidez. As pessoas são mais focadas e menos calorosas que os brasileiros, mas é muito tranquilo de se conviver. Eu vim com o objetivo de trabalhar e ajudar minha família, e agora cuidar da minha filha, e só estou conseguindo fazer tudo isso com um conforto melhor porque estou aqui.”

Eu vim sem nem saber falar inglês e aprendi tudo aqui, tudo depende da sua determinação e o que você está disposta a fazer. Hoje em dia eu já tenho um inglês que me permite conversar, fazer negociações, ir numa faculdade. Enfim, acho que o que eu mais gosto dos EUA é esse foco, pois realmente aqui tempo é dinheiro.”

“Gosto muito de Las Vegas, é uma cidade que me lembra muito o Rio de Janeiro, por ser muito alegre, divertida. Gosto do clima, pois o frio não é tão forte e quando tá calor parece com o Brasil.”

O que você mais acha de diferente entre o Brasil e Las Vegas?

“Acho que é a comida. Aqui temos uma variedade muito grande de comida, e consigo achar comida brasileira e ingredientes para prepará-la. Porém, se torna diferente porque eles comem muito fast food o que é muito mais barato do que no Brasil.”

Em relação a trabalho, imigrante assim como eu ganha um pouco menos mesmo possuindo o green card. Mas, se você se dedicar, se esforçar, se qualificar, você consegue competir igualmente com os americanos.”

Qual conselho você daria a uma pessoa que quer morar em Las Vegas?

“Não se iludir, não se distrair com o glamour da cidade, porque aqui em Las Vegas é muito fácil alugar um carro, ir para um hotel de luxo, querer visitar cada canto, mas tentar não se perder com isso tudo e manter o foco para alcançar os objetivos que te levaram a morar aqui.”

“Apesar deu gostar muito de morar em Las Vegas, se eu pudesse escolher com certeza moraria em São Diego, na Califórnia. É um lugar que me encanta muito e seria um sonho morar.”

Bom pessoal, espero que vocês tenham gostado da nossa entrevista exclusiva. Para acompanhar mais depoimentos e matérias aqui no site, siga o nosso Instagram: meuintercambionline. Até a próxima pauta pessoal 🙂

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Quem Somos

“Somos um site pra você chamar de seu.

O Meu Intercambio é o seu lugar de saber mais sobre a vida no exterior e também compartilhar vivências da sua viagem.

Torne o seu sonho realidade e viva sem fronteiras.”