Dicas

Transilvânia: visitando o castelo do Drácula

Gabrielly Damasceno Araujo
Escrito por Gabrielly Damasceno Araujo em 21 de agosto de 2020

Romênia, país que abriga a região da Transilvânia, é bastante conhecida pelas paisagens incríveis e pelas histórias locais. Sabemos que uma dessas é do lendário vampiro Conde Drácula e para você conhecer um pouco sobre essa lenda e o local onde habitava (ou ainda habita), preparamos esse artigo especial. Continue sua leitura!

As história sobre vampiros e a criação do personagem Drácula, surge com mais precisão em 1897, após um livro publicado pelo autor Bram Stoker. Ele foi inspirado no príncipe da Valáquia, cujo o sobrenome era Drácula e que reinou durante essa época. Ah, então quer dizer que o príncipe era um vampiro de verdade? Acredita-se que não, mas foi inspirado pela forma como o mesmo derrotava seus inimigos: a sangue frio e sem compaixão.

No livro, o autor escreve que o vampiro vive na Transilvânia e por esse motivo o lugar se torna associado a essa lenda, transformando-se em uma região bastante visitada e histórica. O mais curioso é que o príncipe Vlad Drácula não chegou a morar no castelo, e nem Stoker conheceu de fato o local.

Para você entender melhor esse conto de terror, veja o vídeo a baixo:

Nos filmes e livros, o conde Drácula vive em um enorme castelo gótico, situado na fronteira entre Transilvânia e Valáquia. Para a nossa alegria, esse castelo realmente existe, atraindo milhares de turistas todos os anos. Para saber como é a região, veja a seguir:

Castelo de Bran

Mesmo que seja conhecido como o castelo do Drácula, mas seu nome oficial é Castelo de Bran. Assim que você entra no lugar, você encontra fotos de antigos morados (condes) e a linha do tempo de cada um. Após isso, você começa a adentrar nos diversos cômodos que há dentro do enorme castelo. Veja algumas fotos:

Você pode levar cerca de 40 minutos a 1 hora para conhecer todos os cantos do castelo, e poderá filmar e tirar foto de tudo. Infelizmente, você não encontrará nada associado ao vampiro, apenas objetos que faziam parte da cultura da época.

Você Pode comprar lembrancinhas sobre o local, pois há diversas lojinhas/barracas entorno da grande fortaleza. Vale comentar que o lugar não tem nada de assustador, muito pelo contrário, o jardim envolta do castelo da um ar de paz. Para saber mais detalhes, você pode verificar no Site Oficial do Castelo de Bran.

A alta temporada são nas épocas mais ensolaradas, que ocorre entre Abril a Setembro, com o ingresso custando em média 28 reais. Para estudantes e idosos, há um desconto no valor. Falando sobre estudantes, você sabia que da pra conseguir uma bolsa para estudar na Romênia? Basta acessar AQUI para conhecer e participar.

Bom, espero que vocês tenham gostado da matéria. Para saber mais sobre os países ao redor do mundo, acompanhe nosso Instagram: meuintercambionline. Até a próxima pauta pessoal 🙂

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Quem Somos

“Somos um site pra você chamar de seu.

O Meu Intercambio é o seu lugar de saber mais sobre a vida no exterior e também compartilhar vivências da sua viagem.

Torne o seu sonho realidade e viva sem fronteiras.”